Empreendedorismo feminino: como transformar a sua ideia em um negócio de sucesso?

Empreendedorismo feminino: como transformar a sua ideia em um negócio de sucesso?

Empreendedorismo feminino: como transformar a sua ideia em um negócio de sucesso
 

Conforme estatísticas, há mais de 252 milhões de mulheres empreendedoras em todo o mundo. Além disso, segundo dados do Instituto Rede Mulher Empreendedora, no Brasil, a cada 100 novas empresas, 52 são criadas por mulheres, o que mostra o poder do empreendedorismo feminino. 

Nos últimos anos, o empreendedorismo feminino registrou importante crescimento e valorização. Isso permitiu a muitas mulheres criarem o seu negócio de sucesso. 

Entretanto, tirar uma ideia do papel e transformá-la em um negócio de sucesso não é uma tarefa fácil. Imagine, então, tentar empreender em um cenário em que a figura feminina ainda pode ser encarada com receio. 

O passo de tangibilizar a ideia base de seu negócio exige esforço. No cenário brasileiro, muitas empresas não conseguem atravessar o seu primeiro ano de vida. Por isso, é importante que essa ideia possa ir além da teoria. Um negócio de sucesso depende de perseverança e um planejamento completo que permita partir de um sonho para um negócio real e competitivo no mercado. 

Se você pretende começar um novo negócio ou finalmente colocar uma nova ideia em prática, continue a leitura. A seguir, mostraremos alguns questionamentos e passos a seguir para criar um negócio de sucesso. 

Como transformar a sua ideia em um negócio de sucesso? 

Como transformar a sua ideia em um negócio de sucesso?
 

Um negócio que gere lucratividade e seja longevo não se sustenta somente com uma ideia que parece ser multimilionária. É preciso que se tenham ações concretas, que partem de um modelo de negócio bem sistematizado. 

Por isso, antes de se dedicar a sua ideia, é necessário comprovar o seu potencial e real valor. Então, para ingressar no caminho de um negócio de sucesso, considere incluir em sua preparação respostas e ações para as questões a seguir: 

Sua ideia agrega valor? 

Logicamente, para você, sua ideia já pode parecer genial. Mas uma empreendedora preparada deve refletir e pesquisar a fundo para entender as potencialidades dessa ideia em um negócio de verdade. 

É importante que você tenha uma ideia não somente atrativa, mas que possua um diferencial. Mesmo que o produto ou serviço já exista no mercado, é sempre possível melhorar ou agregar valor de alguma forma, criando uma vantagem para a sua marca no futuro. 

Você conhece o seu mercado? 

A pesquisa de mercado é indispensável para reduzir riscos e maximizar suas chances de acerto no empreendedorismo feminino. Essa pesquisa envolve a coleta e análise de informações sobre o nicho em que você gostaria de atuar. 

Este é um componente crucial da estratégia de negócios, pois pode ajudá-la a identificar clientes em potencial e determinar se sua ideia de negócio é viável ou não.  

Por isso, realize pesquisas sobre as informações demográficas de seus clientes em potencial, quanto ao nível de demanda e ao tamanho do seu mercado, e avalie seus possíveis concorrentes diretos e os indiretos que sejam relevantes. 

As informações coletadas da pesquisa de mercado podem variar de tendências em larga escala, como os hábitos de consumo de seus clientes, até algo mais específico quanto ao mercado local em que pretende instalar a sua empresa.  

Existem duas maneiras principais de fazer pesquisa de mercado: você pode fazer sua própria pesquisa ou usar recursos existentes, embora nenhuma das opções seja perfeita. Usar recursos existentes para pesquisa de mercado pode economizar muito tempo e dinheiro, mas não é muito específico; algumas das informações podem não ser relevantes para o seu negócio. 

Por outro lado, fazer sua própria pesquisa geralmente é mais caro e demorado. Um ou outro — ou alguma combinação dos dois — pode ser mais útil para o seu negócio; depende de suas necessidades e recursos disponíveis. 

Você já compartilhou sua ideia de negócio e obteve feedback

É importante, para qualquer empreendimento, a fase de pesquisa e de aprendizado. Consultar pessoas de confiança e que conheçam sobre o que você busca com sua ideia é essencial. 

Registre todos os feedbacks, saiba receber boas críticas e utilize isso para analisar e reavaliar as condições e a viabilidade da sua ideia. Dessa forma, você conseguirá, também, definir melhor o diferencial do seu produto ou serviço. 

Você já começou o seu plano de negócios? 

Você já começou o seu plano de negócios?
 

Depois de concluir sua pesquisa de mercado e colher feedbacks, você precisará criar um plano de negócios. 

O plano de negócios irá mapear como você pretende estruturar e administrar o seu empreendimento. Ele mostra o que você planeja fazer, como planeja fazê-lo e o investimento e o esforço que precisará dedicar ao iniciar sua empresa. 

Os planos de negócios geralmente consistem em vários componentes diferentes, como seu conceito de negócios, análise de mercado e informações financeiras. 

Geralmente, existem dois formatos para um plano de negócios: um plano de negócios tradicional e um plano de startup enxuta. Ambos são comumente usados ​​no mundo dos negócios moderno, embora um possa ser mais adequado do que o outro para suas necessidades. 

Os planos tradicionais tendem a ser mais abrangentes e são mais úteis se você deseja solicitar financiamento de fontes tradicionais, enquanto os planos de startup enxuta são melhores se você objetiva iniciar seu negócio rapidamente e atuar de maneira disruptiva na criação de um produto ou serviço que precisará ser lançado velozmente. 

Independentemente da sua escolha, não subestime a importância de um plano de negócios. Ele pode ser significativamente útil, podendo ajudá-la na busca por financiamento, no estabelecimento da melhor estrutura para a sua organização e na determinação de como, quando e o quanto você espera crescer. Isso o torna um ativo inestimável tanto para você quanto para qualquer pessoa que possa se envolver com o seu negócio. 

Você está financeiramente preparada para criar um negócio de sucesso? 

O planejamento financeiro, além do capital inicial, deve discriminar custos de locação, equipamentos, instalações, contratações, dentre outros. Certifique-se, também, de definir um nível de capital de giro que permita que as operações de seu empreendimento possam ocorrer com segurança. 

Nesta preparação, considere também questões como: 

Qual é a capacidade máxima de armazenamento e distribuição do seu produto? Ou, no caso de um serviço, qual o máximo de clientes que suas equipes conseguirão atender? Com qual margem de lucro você irá trabalhar? Esquematizar o funcionamento de seu empreendimento é importante para que sua empresa possa ter uma estrutura financeira saudável. 

Você pode testar seu produto e serviço? 

Agora que sua ideia tem validade e está ancorada em uma pesquisa sólida, é o momento de testá-la. O conceito de MPV, ou Mínimo Produto Viável, é de que você possa produzir um protótipo o mais próximo possível do produto final para testá-lo. 

A fase de testar e produzir um MPV é importante para entender como seu cliente vai reagir à sua ideia materializada. Assim, caso o produto ou serviço tenha aceitação, você pode seguir com o planejamento. Lembre-se: a ideia do MPV é ser um protótipo simples e de baixo custo. 

Qual é o pitch que ajudará seu negócio a captar recursos? 

Qual é o pitch que ajudará seu negócio a captar recursos?
 

Para que seu negócio tenha sucesso, será necessário ter um plano de geração de recursos. E quando falamos de recursos, não falamos apenas de base financeira, como, também, de estratégias para aquisição e conversão de clientes. 

A partir desses recursos-chave, você poderá criar e oferecer uma proposta de valor de maior potencial para lançar no mercado e criar uma base forte para o sucesso do seu negócio. 

Agora que você já sabe como transformar a sua ideia em um negócio de sucesso, é hora de colocar a mão na massa, não é mesmo? Para te motivar em sua jornada empreendedora, conheça 4 histórias inspiradoras de empreendedorismo feminino

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *







Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.