Inovação em pequenas empresas: 7 dicas para colocar em prática

Inovação em pequenas empresas: 7 dicas para colocar em prática

Colocando em prática inovação em pequenas empresas

A inovação em pequenas empresas parece ser algo distante para você? Infelizmente, muitos empreendedores têm a impressão equivocada de que inovação é algo disponível apenas para as grandes corporações com vultuosos orçamentos.

Mas isso não é verdade. Inclusive, os negócios de pequeno porte podem contar com algumas vantagens para inovar.

Como explicou Richard Branson, escritor, empresário e fundador do Grupo Virgin, as pequenas empresas são mais ágeis e, muitas vezes, podem ensinar às organizações maiores sobre o poder da inovação.

Afinal, estes negócios conseguem executar ideias mais rapidamente e possuem processos menos burocratizados para gerar mudanças. Em grandes empresas, aprovações deste tipo costumam demandar meses, algo que pode ajudar as pequenas empresas a garantir uma vantagem nesta competição. 

Por isso, continue a leitura e descubra como é possível colocar em prática a inovação em pequenas empresas com ações que estão ao alcance de negócios de qualquer porte. Confira!

Quais as vantagens da inovação em pequenas empresas?

A inovação é a recombinação dos fatores existentes para criar valor para o cliente e melhores resultados para os negócios. Por isso, ela pode atuar como uma catalisadora para fazer sua empresa crescer.

Além disso, a inovação em pequenas empresas permite a resolução de problemas e fornece uma visão criativa que permite que você olhe para os desafios do seu negócio a partir de uma perspectiva diferente. 

Ainda, entre as vantagens potenciais da inovação em pequenas empresas, destacamos:

  • Aumentar a participação de mercado;
  • Diferenciar-se da concorrência;
  • Competir por valor, não apenas por preço;
  • Melhorar a produtividade;
  • Reduzir custos e desperdícios;
  • Aumentar as vendas;
  • Melhorar o relacionamento com o cliente.

Dicas para inovar em seu pequeno negócio

Dicas para inovação em pequenas empresas

Não é necessário grandes invenções ou investimentos para alavancar a inovação em pequenas empresas. Como você verá a seguir, por vezes, nem é preciso fazer investimento monetário – basta uma mudança de mentalidade.

Confira as nossas dicas e inspire-se!

1. Saiba que você não precisa “reinventar a roda”

Comece desmitificando a questão de que inovar precisa ser algo complexo ou complicado. Ações pontuais podem gerar resultados surpreendentes. 

Ter presença nas redes sociais, começar a fazer a entrega de seus produtos, mudar um processo que é muito moroso – tudo isso também é inovação em pequenas empresas. 

Para iniciar, você pode buscar este tipo de oportunidade mais simples de implementar enquanto vai criando uma cultura de inovação em seu negócio. 

2. Tenha muitas ideias para ter boas ideias de inovação

Você sabia que Pablo Picasso pintou em torno de 13.500 telas e 100 mil gravuras, fez mais de 30 mil ilustrações e 300 esculturas? Pense em quantas ideias ele teve até criar obras como a Guernica.

Seja no mundo artístico ou empresarial, criar algo inovador depende de hábito, consistência e empenho.

Por isso, não desvalorize as ideias geradas por você ou sua equipe que não se mostrarem viáveis ou assertivas. Elas também são importantes para criar um ambiente de trabalho mais aberto à inovação, que poderá gerar a qualquer momento uma melhoria com o poder de mudar o rumo do negócio.

3. Solicite sugestões

Sugestões da equipe para inovação em pequenas empresas

Seus clientes, fornecedores, colaboradores e demais parceiros de negócio podem ser fonte valiosa de boas ideias de inovação em pequenas empresas.

Afinal, eles já conhecem seu empreendimento e podem ter sugestões certeiras para resolver problemas e melhorar seus produtos, serviços ou processos.

4. Pense em fazer parcerias

Parcerias para inovação em pequenas empresas

A inovação em pequenas empresas também surge a partir da formação de uma rede de parcerias. Startups, universidades, associações e outros empreendimentos podem ajudar na geração de valor e melhoria dos resultados de sua empresa.

Por exemplo, se você tem uma loja de roupas fitness, fazer uma parceria de divulgação conjunta com academias do seu bairro pode ser uma inovação impactante e acessível para sua estratégia de marketing. 

5. Considere investir em tecnologia

Inovação não é sinônimo de investimento em tecnologia. Entretanto, essa pode ser um alicerce importante para impulsionar as melhorias projetadas. 

Por exemplo, investir em um CRM (sistema para gerenciamento do relacionamento com o cliente) irá transformar suas estratégias de divulgação e vendas.

Você poderá enviar mensagens personalizadas e automatizadas para clientes, consultar rapidamente histórico de compras, gerar relatórios com cruzamento de dados e, a partir disso, ter ideias sobre novas ações, etc. 

6. Combine diferentes tipos de inovação

Você sabia que há diversas formas de inovar em pequenas empresas? Conhecê-las ajuda na identificação de oportunidades de melhoria em seu negócio. Entre os tipos de inovação, podemos citar:

  • Inovação de produtos ou serviços: melhoria ou criação de novas soluções para seus clientes;
  • Inovação em processos: mudar a forma como as atividades são feitas pode melhorar a produtividade, eficiência, qualidade, padronização, reduzir custos e trazer muitos ganhos;
  • Inovação em marketing: novas maneiras de divulgar seus produtos e serviços, atrair clientes, gerar vendas, etc.;
  • Inovação em logística: relacionada ao transporte, distribuição, entregas, etc.;
  • Inovação de modelo de negócio: não se apegar à forma como as coisas sempre foram feitas e estar aberto a melhorar a maneira como o negócio cria produtos e serviços, entrega valor, etc.;
  • Inovação tecnológica: relacionada à criação, desenvolvimento e aprimoramento de produtos e serviços a partir do uso de tecnologia. 

7. Desenvolva uma mentalidade inovadora 

Continue sempre aprendendo novas habilidades, atualizando seus conhecimentos e ofertando essas oportunidades também para a sua equipe.

Seja por meio de treinamento, participação em eventos ou leitura de livros e artigos na internet – a atualização é combustível para a inovação em pequenas empresas. 

Que tal começar agora mesmo? Para isso, confira também nosso artigo sobre Design Thinking, e veja como este método de trabalho contribui para a inovação em pequenas empresas. 

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *







Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.