5 ações para abrir um negócio lucrativo gastando pouco

5 ações para abrir um negócio lucrativo gastando pouco

Conheça 5 ações para abrir um negócio lucrativo

Abrir um negócio lucrativo é o sonho de milhões de brasileiros, sobretudo em tempos de crise, período em que os índices de desemprego vêm batendo recorde. A propósito, mais que um sonho, empreender pode ser uma necessidade para muitas dessas pessoas.

Alguns números demonstram que, de fato, muita gente enxerga na abertura do próprio negócio uma saída. Segundo o Ministério da Economia, somente em 2020, foram abertas 3.359.750 empresas – número que representa um recorde histórico e um aumento de 6,0% em relação ao ano anterior. No mesmo período, foram fechadas 1.044.696 empresas, que representa uma queda de 11,3% quando comparado ao mesmo dado em 2019.

Se pensarmos que 2020 foi um ano marcado por uma crise econômica e sanitária sem precedentes, os dados contabilizados pelo governo se tornam ainda mais impressionantes e demonstram a dimensão da resiliência do empreendedor brasileiro. Afinal, nesse cenário, abrir e manter uma empresa em operação não é nada fácil.

E, para você que também sonha em abrir um negócio lucrativo, preparamos este artigo com cinco ações incríveis sobre como se preparar para atingir esse objetivo. Confira!

1. Saiba diferenciar ideia de oportunidade de negócio

Você já ouviu falar nas diferenças que existem entre ideia e oportunidade de negócio

A ideia, basicamente, é uma abstração, uma possibilidade que o fez pensar e imaginar como seria interessante empreender na área “x” ou “y” baseado em seu senso de oportunidade e leitura do mercado. Isso significa que você ainda não tem nada muito bem estabelecido para iniciar seu projeto, mas acredita que pode dar certo.

A oportunidade de negócio, por sua vez, representa a consolidação da ideia, que passa a ser balizada por uma série de análises e esforços de planejamento, que permitem afirmar, com base em informações e dados concretos, que a empresa que você deseja abrir pode render bons lucros.

A diferença entre esses conceitos é bastante simples, não é mesmo? Mas por que abordarmos essa questão ao falarmos sobre como abrir um negócio lucrativo?

É muito importante pontuarmos essas diferenças para que empreendedores de todos os segmentos tenham claro para si que nem toda ideia se tornará uma oportunidade de negócio. Somente com esforços consistentes de validação dessa ideia será possível saber se é interessante investir no projeto.

Ao longo deste conteúdo, falaremos de algumas estratégias e dicas que podem ajudar você, empreendedor, a qualificar sua ideia para abrir um negócio lucrativo.

2. Pesquise tendências de mercado

Para abrir um negócio lucrativo, é indispensável oferecer uma solução com boa aceitação no mercado. Para isso, nada melhor que investigar tendências em seu segmento de atuação, não é mesmo?

Pensando em facilitar esse trabalho, destacamos algumas ideias de produtos e serviços em alta nos segmentos de alimentação e artesanato que podem servir de inspiração para quem está começando. Vejamos quais são elas:

Alimentação:

  1. Bolos decorados;
  2. Restaurantes de nicho específico (Ex.: comida árabe, oriental e mexicana);
  3. Aulas de culinária gourmet.

Artesanato

  1. Presentes customizados (Ex.: Canecas com imagens customizadas, travesseiros com fotos impressas e agendas com desenhos personalizados);
  2. Embalagens criativas;
  3. Produtos reciclados (Ex.: Cadernos feitos com papel reciclado, vasos produzidos com garrafas de vidro, prateleiras feitas com caixas de frutas, etc.);

3. Estude a viabilidade financeira e operacional para abrir um negócio lucrativo

Estude a viabilidade financeira e operacional de sua ideia

Outro aspecto da maior importância quando o assunto é criar um negócio lucrativo é validar a viabilidade financeira e operacional da empresa. Basicamente, esse trabalho compreende as seguintes etapas:

  • Definição de seu público-alvo;
  • Mapeamento de riscos e oportunidades;
  • Análise de concorrentes;
  • Planejamento financeiro e
  • Prototipagem de ideias.

Todas essas etapas compreendem, de forma direta ou indireta, ao que convencionamos chamar de planejamento estratégico. Neste artigo, trazemos uma abordagem completa sobre o tema.

No entanto, acreditamos ser interessante falar de um conceito em especial que é o de Produto Mínimo Viável, o chamado MVP. Essa é uma metodologia de validação de ideias, que permite ao empreendedor testar a aceitação de um produto ou serviço no mercado.

No caso de um serviço, você deverá apresentá-lo ao mercado a partir de uma configuração considerada “mínima”. Isto é, trata-se de um protótipo que conserva a proposta de valor da solução, mas ainda não é a versão final.

Imagine, por exemplo, que você deseja abrir uma consultoria financeira para pessoa física e seu público de interesse seja profissionais liberais de média idade, que querem investir para aposentadoria. Seu trabalho consiste em ajudá-los a alocar recurso a médio e longo prazo para obtenção do melhor retorno possível.

Aplicando a metodologia de MVP no contexto deste exemplo, o profissional à frente deste empreendimento poderia atuar de forma autônoma, testando vários formatos de seu serviço. Isso aconteceria antes mesmo da empresa ser constituída.

Dessa forma, ele poderia validar várias ideias relacionadas a seu serviço e, com isso, estruturar um negócio capaz de entregar uma solução com verdadeira aceitação por parte do mercado.

4. Faça parte de um ecossistema de negócios local

Faça parte de um ecossistema de negócios locais

Desde o início da pandemia, muito tem se falado sobre a valorização de micro e pequenas empresas locais. Essa é uma das formas de viabilizar a sobrevivência desses empreendimentos em meio à crise.

Com isso, ganharam força na internet e nos meios de comunicação tradicionais, campanhas de incentivo ao consumo de negócios locais. A partir de apelos como “compre de quem produz”, essas iniciativas vêm potencializando as vendas de micro e pequenos negócios.

Quem também deseja se beneficiar dessa tendência deve fazer parte de um ecossistema de negócios de sua região, que pode ser entendido como um grupo organizado por empreendedores de micro e pequenas empresas de uma mesma cadeia produtiva local, que formam uma rede de colaboração mútua.

5. Mantenha uma gestão financeira assertiva para abrir um negócio lucrativo

Nenhuma empresa de pequeno porte pode se dar ao luxo de desperdiçar recursos, não é mesmo? Por isso, uma gestão financeira assertiva, desde a fase de concepção do projeto, é um pré-requisito para quem deseja abrir um negócio lucrativo.

Nesse sentido, uma iniciativa muito importante é a manutenção de um controle de gastos rigoroso. Saiba exatamente quanto entra em seu caixa e qual a destinação desses recursos. Fique atento, principalmente, às chamadas despesas variáveis.

Como o próprio nome sugere, gastos variáveis são aqueles os quais não podemos estimar com precisão. Pode se tratar, por exemplo, dos gastos de seu negócio com matéria-prima ou comissões de vendedores – despesas que, a cada mês, podem diminuir ou aumentar.

Justamente em função da dificuldade de mensurar essa categoria de gastos, é preciso ficar atento a sua proporção para que a sua gestão financeira não saia do controle. Para isso, é válido sempre trabalhar com tetos que não devem ser ultrapassados. E, no caso de isso acontecer, as causas devem ser investigadas visando a equalização de despesas consideradas supérfluas. Nesse sentido, uma dica interessante é avaliar o nível de sucesso de alguns processos.

O que você achou das 5 ações sugeridas para abrir um negócio lucrativo? Registre sua opinião nos comentários. E para acompanhar mais dicas sobre o tema, confira este artigo: “6 passos fundamentais para lucrar com um negócio virtual”.

Comentários

  • Avatar

    Ida Maria Gomes Cypriano | Mai 31,2021

    Bom dia! Hoje trabalho com atelier de roupas femeninas e também estou dando curso de modelagem plana, corte e costure sua própria roupa. Como ? Onde? Formalizar este curso online de prestação de serviços.
    Aguardo retorno,
    Atenciosamente,
    Ida Cypriano

    • Sebrae ES

      Sebrae ES | Jun 11,2021

      Ida, tudo bem? O Sebrae/Es está a sua disposição para auxiliar com a formalização de seu negócio! Basta ligar para o telefone 0800 570 0800 ou enviar uma mensagem de WhatsApp para 27 3041-5500, para ser atendido e orientado por um de nossos especialistas!

  • Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *







    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.