Tudo o que você precisa saber para ter uma loja online

Tudo o que você precisa saber para ter uma loja online

Entenda como criar sua loja online

Você tem se planejado, mas ainda não sabe como criar uma loja online? Se sim, saiba que essa é a condição de muitos empreendedores pelo país.

Milhares de proprietários de micro e pequenos negócios já identificaram o potencial do varejo online, mas ainda não contam com os recursos e o conhecimento necessários para ingressar nesse mercado. Muitos até deram o primeiro passo e contam com um e-commerce estruturado, porém, não sabem como deve se dar a atuação nesse meio, cometendo erros primários que comprometem seus resultados.

Seja qual for o seu caso, o Sebrae ES se coloca mais uma vez como seu parceiro para te auxiliar nessa empreitada. Neste artigo vamos apresentar as principais informações que você precisa saber sobre como criar uma loja online.

Entenda como criar uma loja online

Para entendermos como criar uma loja online, é preciso pensar em duas dimensões distintas, que se referem à parte operacional – criar o e-commerce e deixá-lo funcionando a contento – e ao plano de negócios – formatação de seu produto, definição da estratégia de mercado e afins.

Para apresentarmos uma visão global sobre como tudo funciona, abordaremos estes dois tópicos. Acompanhe.

Logística para a operação

Vejamos quais são as principais questões relacionadas à logística de operação de uma loja online.

Hospedagem

O sucesso de sua loja online depende decisivamente de uma boa hospedagem. Afinal, nada pior que realizar compras pela internet e ter que esperar uma eternidade para a página carregar.

Para muitos consumidores, isso motiva a desistência da compra. A propósito, pesquisa realizada pela NeoAssist, revela que 68% das pessoas que tiveram uma experiência negativa desistem da compra ou não retornam mais à loja virtual ou física.

Dito isso, devemos, então, entender o que seria uma boa hospedagem. Nesse sentido, é importante ficar atento aos seguintes pontos antes de contratar esse tipo de serviço:

  • Espaço de armazenamento;
  • Capacidade de processamento de dados;
  • Tipo de domínio e
  • oferta de caixas de e-mail.

Obviamente, quem não conhece a fundo o tema terá certa dificuldade para avaliar todos esses aspectos. No entanto, em contato com um profissional especializado na área, é válido informar quais as características de sua loja online, como expectativa de volume de acessos, quantidade de produtos cadastrados, tipo de página de vendas, funcionalidades, etc.

Com base nessas informações ele poderá julgar qual o tipo e serviço de hospedagem é o mais indicado. Caso seu objetivo seja comercializar uma quantidade muito grande de produtos, de diversas categorias, o que exige grande tráfego de dados, o mais indicado será contratar um servidor dedicado – tipo de hospedagem em que sua loja não compartilhará os mesmos recursos com outros e-commerce.

Segurança

Além de uma boa hospedagem, é importante garantir que a página de seu e-commerce seja segura para navegação. Inclusive, esse é um dos parâmetros do Google para ranqueamento nos resultados de busca.

E, em se tratando de segurança, o mais indicado é aderir ao protocolo/certificado SSL, sigla para Secure Socket Layer, que possibilita a criptografia de todos os dados em sites https – simbolizada pelo ícone de um cadeado na barra de navegação.

Muitos consumidores já se habituaram a observar esse parâmetro, dando preferência por comprar apenas em lojas virtuais com esse tipo de certificação. Afinal, isso confere mais segurança à compra.

Pagamentos

Entenda como criar uma loja online

As formas de pagamento também devem ser uma preocupação para quem está em busca de saber como criar uma loja online. De antemão, adiantamos que existem vários meios de receber o valor correspondente às suas vendas, mas quem está começando deve priorizar um método específico que são os intermediadores de pagamento.

Para quem não sabe, intermediador de pagamento cumpre a função de conectar empresa, o site da loja, a instituição financeira e a operadora do cartão de crédito, dando prosseguimento à efetivação da compra.

Em termos práticos, toda essa operação acontece com o cliente sendo migrado a um ambiente de pagamentos, no qual encontrará as orientações de que precisa para definir todas as questões a esse respeito, como forma de pagamento, parcelamento, dados pessoais, etc.

Dessa forma, podemos dizer que do ponto de vista técnico e administrativo, um pequeno e-commerce terá muitos benefícios ao aderir a essa solução, mesmo tendo que arcar com algumas taxas.

Plano de negócios

Entenda como criar sua loja online

Vejamos, agora, algumas orientações sobre planos de negócios para quem está interessado em saber como criar uma loja online.

Formate seus produtos adequadamente

Em qualquer tipo de mercado, seja no varejo físico ou virtual, o “x” da questão sempre será ter um produto competitivo. Com esse trunfo em mãos, toda a parte operacional passa a ser uma demanda secundária, embora precise ter o tratamento adequado.

Sem a pretensão de apresentar uma fórmula mágica para que você formate seus produtos, indicamos a você considerar uma metodologia amplamente empregada atualmente, que é a do Produto Mínimo Viável – PMV.

O método consiste em apresentar uma simplificação da versão final de um produto para testar sua viabilidade no mercado. O que se pretende com isso é permitir ao empreendedor validar suas ideias junto aos consumidores, sem a necessidade de investir em um produto pronto e acabado que possa não ter boa aceitação.

Mas atenção: apesar de trabalhar com o preceito de empregar o mínimo de recursos possíveis no PMV, o produto precisa apresentar a solução para a qual foi criado, entregando valor ao cliente. Caso contrário, teríamos apenas um produto inacabado, de pouquíssima aceitação.

Defina uma estratégia de atuação em seu mercado

Depois de definir quais produtos serão comercializados em sua loja online é preciso estabelecer uma estratégia de atuação em seu mercado. Nesse sentido, vale tentar responder a perguntas como:

  • Quem é meu público-alvo?
  • Qual a real demanda por meus produtos?
  • Quais serão as estratégias de divulgação da minha loja online?
  • Como o mercado se comporta ao longo do ano?

Cada uma dessas perguntas enseja longas discussões e análises mas, ao identificar a necessidade de responder cada uma delas de forma satisfatória, você já terá um apontamento importante para entender como criar uma loja online.

Faça uma boa gestão financeira

Por fim, mas não menos importante, devemos destacar a necessidade de se fazer uma boa gestão financeira. É preciso prever os custos de cada ação de seu negócio online, assim como estimar receitas, referenciando essas previsões em curto, médio e longo prazo.

Dessa forma, você garante os recursos necessários para investir na infraestrutura da loja online, na disponibilidade de estoque, em ações de divulgação e tudo quanto for necessário para ser competitivo em seu nicho de atuação.

Gostou de entender como criar uma loja online? Aproveite, então, e confira mais este artigo de nosso blog: “Como contornar os desafios da venda online e fidelizar clientes”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *







Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.