Em que área devo abrir meu negócio?

Em que área devo abrir meu negócio?

Imagem: Pixabay

Muitas pessoas pensam em empreender, mas possuem diversas dúvidas. Uma das primeiras que surgem é: “Em que área devo abrir meu negócio?”. Se você também já se fez esse questionamento e ainda não conseguiu se decidir, vamos trazer hoje algumas dicas e orientações para que você tente clarear suas ideias e realizar o sonho de se tornar um empreendedor de sucesso.

Para encontrar uma resposta para esse questionamento, você precisará, antes de tudo, responder outras perguntas como: em qual área eu gostaria de trabalhar? Eu entendo sobre esse ramo? É viável? Quem serão os meus clientes? E meus concorrentes? Com essas informações reunidas já será possível mapear as áreas que melhor se encaixam com os seus objetivos.

Confira algumas dicas e mãos à obra!

Você gosta de trabalhar com isso?

Você precisa pensar que vai trabalhar nessa área o tempo todo, ou seja, será algo que você deve fazer por um bom tempo, pois você pretende abrir um negócio para que ele tenha sucesso e cresça, não é mesmo? Porém, alguns detalhes importantes precisam ser observados. Por exemplo: se você abrir uma lanchonete tenha em mente que estará trabalhando nos fins de semana a noite. Se você abrir uma padaria, precisará estar presente bem cedo, afinal, este é um dos comércios que abre mais cedo e, se você quer que seu negócio dê certo, precisará estar presente no local.

Você entende sobre esse ramo?

Não adianta só gostar, é preciso entender, afinal, você precisará mergulhar nesse mundo. Não adianta observar, por exemplo, que a área de games está sendo bastante procurada, que há grande demanda se você não entende sobre esse ramo, que tem uma linguagem própria.

Delimite sua ideia

Quando se quer empreender, a primeira sugestão é buscar algo que você seja apaixonado. Entretanto, na hora de decidir a área de atuação da sua empresa é preciso sonhar com os pés firmes no chão. Muitas vezes sonhamos com ideias fantásticas que, na prática, podem não ser tão lucrativas como na teoria. O recomendável é delimitar a ideia inicial e pensar no produto já de olho no público-alvo que poderá ser atingindo.

Avalie a viabilidade do negócio

Uma boa ideia implantada em uma região pode não ser tão rentável em outra, por isso a localização faz toda a diferença. Dessa forma, reúna informações sobre a viabilidade do seu negócio. Perguntas como: tenho demanda para esse segmento? Tenho concorrentes diretos nesta região? O que posso fazer para me diferenciar dos demais? Serão essenciais para entender a viabilidade da empresa.

Alinhe o seu sonho com a demanda do mercado

De nada adianta um produto ou serviço fantástico, se não existe pessoas que se interessem por ele. No mundo dos negócios, é preciso criar soluções para as demandas do mercado, ou seja, criar produtos e serviços que facilitem a vida das pessoas, satisfaçam suas necessidades e surpreendam suas expectativas. Pense nisso!

Observe seus possíveis concorrentes

Antes mesmo de iniciar o seu negócio é preciso avaliar os principais concorrentes. É hora de observar o que as empresas têm feito de novo e como você pode se diferenciar dos demais. É nesse momento que você pode encontrar soluções para chegar ao mercado com uma ideia nova e pronta para atender as expectativas do seu público.

Invista em inovação

Agora que você já decidiu como empreender, chegou a hora de pensar em como se diferenciar da concorrência. Como você pode inovar o seu produto ou serviço? Como agregar valor a ele? O que ainda falta no mercado? Com essas informações é possível criar soluções e opções diferentes das que já existem, o que aumenta as chances de aceitação da sua empresa no mercado.

Que tal ler nosso último post: “Aprenda a lucrar com as datas comemorativas“.


Publicado também no Medium.

Comentários

  • Avatar

    Lucio | Jul 8,2019

    Bem interessante essa informação!

  • Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *







    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.